segunda-feira, 3 de junho de 2013

 Pontos turísticos de Americana

Aeroporto Municipal "Augusto Oliveira Salvação"


Com aproximadamente 900 pousos e decolagens ao mês, cerca de 300 pessoas por dia, 400 empregos e 27 hangares, o Aeroporto de Americana cresce a cada ano e com os investimentos, o espaço tem atraído cada vez mais a atenção de empresários. O Aeroporto que, em 2009 contava com 15 hangares, tem hoje mais de 80 aeronaves, entre elas o jato Citation e aeronaves como a King Air.

Avenida Brasil

Cartão Postal da cidade, a Avenida Brasil situa-se na área central. Possui majestosas palmeiras-imperiais, sendo bastante prestigiada pela juventude de Americana e região. Totalmente revitalizada, ela abriga bares e restaurantes com vasta programação musical e gastronômica. Corredor de acesso ao Zoo Americana, a avenida é frequentemente utilizada pelos americanenses para a prática de caminhadas, corridas ou pedaladas.


Casa de Cultura "Hermann Müller"


A Família Müller adquiriu a Fábrica de Tecidos Carioba em 1901 e iniciou a ampliação da Vila Operária e as casas patronais. Idealizado pelo seu proprietário, Hermann Müller, o prédio foi construído em 1909 em estilo ítalo-germânico e possui 53 cômodos distribuídos em cinco pavimentos.

No Bairro Carioba está localizado o primeiro asfalto do Brasil.       Foi desapropriada em 1983 e, no ano de 2001, passou a abrigar a Casa de Cultura “Hermann Müller”, local destinado às manifestações artísticas da cidade, entre elas exposições, palestras, shows musicais, pesquisas históricas, etc.

Atualmente, o evento Café Caipira é realizado no espaço todo último domingo do mês e proporciona aos visitantes um show de música de viola acompanhado de um café da manhã servido gratuitamente, além da feira de artesanato que acontece concomitantemente
.
Serviço:
Endereço: Avenida Carioba, 2001 - Carioba
Telefone: (19) 3462-6048
Horário de funcionamento: de terça a sexta-feira das 09h às 17h e aos sábado das 10h às 16h.

Estação Cultura de Americana "Estação Ferroviária"


A estação foi inaugurada em 27 de agosto de 1875 com o nome de Estação Santa Bárbara e contou com a presença de D. Pedro II e sua comitiva real. A presença constante de americanos sulistas, após a Guerra da Secessão, em 1866, comercializando e embarcando seus principais produtos, a melancia e o algodão, e também pelo linguajar e vestimentas, que caracterizaram o local como “Estação de Villa dos Americanos”.

Em 30 de julho de 1904 foi criada por força de Lei a Vila Americana, que se chamou “Distrito de Paz de Santo Antonio de Villa Americana”. A Estação passou a ser chamada de "Estação de Villa Americana" quando em 1900 o Capitão Corrêa Pacheco, em comum acordo com a Cia Paulista colocou uma placa ao lado do prédio com esta denominação.

Conhecida hoje como Estação Cultura o espaço contribui com a democratização do acesso à cultura abrigando alguns segmentos entre eles: artes visuais, música e patrimônio. Além de ser um espaço fantástico por natureza, isto é, desperta, demonstra o fascínio pelos trens, o transporte ferroviário, também contribui para formação, conhecimento e lazer.

Serviço:
Endereço: Avenida Dr. Antonio Lobo, 166 - Centro
Telefone: (19) 3405-6600
Horário de funcionamento: de segunda e terça-feira das 08h às 22h; quarta, quinta e sexta feira das 08h às 17h e aos sábado das 08h às 12h.